HITOBASHIRA – OS PILARES HUMANOS

Vamos começar falando sobre o significado de Hitobashira (人柱) que significa, “Pilar Humano”. Naquela época no Japão antigo, os japoneses acreditavam que selar pessoas vivas em sua construção, era a melhor alternativa pra as tornarem fortes, duráveis e protegidas contra desastres naturais. para essa finalidade oferendas (sacrifícios) aos deuses eram muito comuns pois tinham a intenção de agradar aos deuses, que por consequência liberaria sua graça sobre as construções. fala-se que esta tradição continuou até o século 18, sendo que alguns permaneceram fiel a esta prática até o século 20.

Muitos deizem que esses pilares são assombrados por aqueles que serviram como sacrifício.

SUMARIO: 

- Castelo Maruoka
- Ponte Matsue Ohashi
- Castelo Matsue
- Túnel de Futamata
- Histórias mais recentes
- Outras estruturas

Veja abaixo alguns desses casos:


Castelo Maruoka

Localizado na província de Fukui é um dos castelos mais antigos do Japão. Há rumores de que ele tenha sido construído com um pilar humano. Segundo a lenda, devido aos muitos desmoronamentos do muro durante sua construção, O-shizu, uma mulher de um único olho, foi escolhida para ser hitobashira. Ela concordou sob a condição de que seu filho pudesse se tornar um samurai. Sendo assim, ela foi enterrada sob o pilar central do castelo.

Após isso, a construção foi concluída com sucesso. mas a promessa acabou, não sendo cumprida. Desde então, o fosso passou a ser inundado todas as vezes que as grandes chuvas da estação da primavera chegavam. Os moradores locais diziam que a inundação era enviada pela avó de um olho como uma forma de vingança.


Ponte Matsue Ohashi

Segundo a lenda, a Ponte Matsue Ohashi também foi construída através dessa pratica. pois mesmo trabalhando incansavelmente para erguera-la, ela logo desmoronava. levando os construtores a usar como opção o sacrifício humano, que foi feito com o intuito de apaziguar os espíritos. nesse caso um homem foi enterrado vivo sobre o rio, depois do ato a ponte ficou estável por mais de 300 anos.

para ter uma ideia do quanto essa lenda é difundida, em 1891 quando estavam construindo a nova ponte, pessoas evitam entrar na cidade com medo de servirem como sacrifício para a nova Matsui.

Hoje em dia existe um memorial em homenagem a todos que morreram enquanto construíam a ponte:


Castelo matsue

Construído no século 17 na província de Shimane. Um dos casos mais famosos está associado ao Castelo Matsue, localizado na província de Shimane, construído no século 17.

De acordo com a lenda, o muro de pedra da torre central desabou em várias ocasiões durante a sua construção. Convencido de que um pilar humano estabilizaria a estrutura, os construtores decidiram procurar uma pessoa adequada durante um festival local de Obon.

Da multidão, eles escolheram uma linda jovem que demonstrou excelentes habilidades de dança. Depois de capturá-la, ela foi assassinada e seus restos mortais foram fixados na parede. Assim, a construção prosseguiu sem incidentes.

No entanto, depois de concluída, o espírito da moça começou a assombrar o castelo. Toda a estrutura tremia quando uma menina dançava nas proximidades. Dessa forma, a dança pública foi banida das ruas de Matsue.


Túnel de Futamata

Os trabalhadores coreanos eram forçados a trabalharem na construção deste túnel, e a lenda conta que devido ao atraso na obra, esses trabalhadores eram mantidos como escravos e teriam sido “sacrificados” e enterrados nas paredes do túnel.


Algumas pessoas relataram já ter visto, quando passaram pelo túnel uma sombra humana misteriosa que persegue o veículo, a sensação descomunal de peso nos ombros, casos de imobilização involuntária supostamente provocada por mãos invisíveis e aterrorizantes e gritos de uma mulher em desespero.


HISTÓRIAS MAIS RECENTES

Em Hokkaido, ossos humanos foram encontrados em torno de várias pontes e túneis, oferecendo um ar de credibilidade aos rumores de que os trabalhadores foram sacrificados durante essas construções.

Uma dessas estruturas foi o Túnel Jomon, construído em 1914 para dar acesso à linha férrea Sekihoku Line (JR Hokkaido). Em 1968, o túnel passou por reparos após um grande terremoto. Durante a reforma, foram encontrados uma série de esqueletos humanos, de pé, selados no interior das paredes.

Também foram encontrados muitos ossos humanos próximo ao túnel, isso alimenta ainda mais a crença de que na construção do túnel foi usada o hitobashira. Muitas pessoas, incluindo condutores de trem, acreditam que o túnel é assombrado pelos fantasmas das vítimas.


OUTRAS EXTRUTURAS:

Estruturas que estão envolvidas em rumores em relação à prática de pilares humanos:

• Castelo Gujo-Hachiman (Gifu)

• Castelo Nagahama (Shiga)

• Castelo Maruoka (Fukui)

• Castelo Ozu (Ehime)

• Castelo Komine (Fukushima)

• Santuário Itsukushima (Hiroshima)

• Ponte Fukushima (Tokushima)

• Ponte Kintaikyou (Yamaguchi)

Gostou? Então não deixe de comentar e compartilhar com seus amigos ^^ (Equipe Hanasu (話す))

Compartilhar

Deixe aqui seu Comentário